quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Resenha #62: Depois do Fim - Tay Lopes (Clube do Livro/Setembro)

     Hey babies, tudo bem?



Bom, hoje estou trazendo mais uma resenha do Clube do Livro, e assim, quitando minha dívida, rs. O livro para o mês de setembro deveria ser um nacional, e eu confesso que tinha outro em mente, mas, quando a autora parceira aqui do meu cantinho Tay Lopes, me presenteou com o eBook Depois do Fim, eu não tinha motivos para resistir, e muito menos para não escolher ele como a leitura do mês. Então, chega de bolodórios. 

    Bora lá?
Imagem cedida pela autora


SINOPSE: O que você faria se mudar a vida de alguém significasse mudar a sua própria vida?
Elisa Sommer é uma estudante de psicologia exemplar que vive em um dos bairros mais tradicionais de LA e sempre consegue tudo o que quer.
Até agora...
Como último projeto do programa de estágio, Elisa recebe o histórico de Noah Collins. Desde esse primeiro encontro, eles nunca mais serão os mesmos. 
Uma história sobre descobrir o amor, quando sua existência já estava sendo questionada.


     Depois do Fim nos conta uma história diferente. Um romance com uma carga dramática bem forte, clichê em alguns momentos e completamente imprevisível em outros. Clichê pelo fato de nós sabermos quem vai se apaixonar por quem, mas, imprevisível pela maneira como tudo acontece. Fora que é um daqueles livros que nos mostra o que acontece depois, saca? É muito legal a gente ler algo sobre os fatos e eles se casaram, fim, êêêêêêêêê... Esse vai além. Quem não tá entendendo nada levanta a mão? o/o/o/o/o/o/o/o/o/o/

     Ahahahahahah, okok, vamos fazer como Jack, O Estripador, vamos por partes, rs.

    Elisa Sommer é estudante de psicologia, uma aluna exemplar com notas excelentes, e devido a isso, seus professores sempre lhe oferecem grandes desafios. Como ele é graduanda no curso, seu professor lhe oferece como estágio de conclusão, um caso de um rapaz que acabou de sofrer um acidente horroroso de carro. Ele se recuperaria, porém, sua namorada de anos, Samantha, não sobreviveu ao acidente, e o rapaz não falava com ninguém. Como Elisa era uma pessoa que nunca recusava um desafio, foi até o rapaz em questão. Ao entrar no quarto do paciente, se depara com o mais belo par de olhos azuis que ela jamais imaginou ver na vida. A consulta foi um fiasco, Noah não emitiu um som sequer, mas, olhava tão intensamente para Elisa que a deixou desconcertada. E ela realmente ficou pensando nele após a consulta, e se viu ansiosa para a próxima.

Imagem MLC

     Noah Collins era aspirante a músico quando sofreu o acidente, e acreditava que sua vida estava acabada, pois, Sam não estava mais ao seu lado. Se incomodou com a psicóloga, não se deu ao trabalho de responder nada, e não conseguia deixar de pensar que ela era uma arrogante metida a sabe-tudo pelo fato como ela olhava para ele. Se surpreendeu com o retorno da moça, e sabia que se não falasse, seus pais poderiam procurar tratamentos mais agressivos. Na segunda visita, a abordagem de Elisa mudou, e Noah, mesmo sem vontade e nada a vontade com a situação, resolveu falar, o que foi o suficiente para os médicos lhe darem alta, e o atendimento psicológico passou a ser em casa.

    Nos meses em que cuidou do caso de Noah, a moça se envolveu demais - um grande erro para os psicólogos, e até mesmo por isso não é ético que amigos atendam amigos - e apesar de todos os avisos que seu cérebro enviou para ela, Elisa se apaixonou perdidamente por Noah, e ao mesmo tempo que a última consulta foi um alívio, foi também um tormento, pois, ela não veria mais Noah. Para sua surpresa, alguns dias mais tarde, ela recebe uma ligação do rapaz, convidando-a para um jantar em família, como gratidão pelo trabalho dela com o rapaz, e, durante o jantar, a irmã do rapaz a deixa em uma situação desconfortável. Noah retoma o assunto horas mais tarde, e em um ato de impulso beija a moça. Um beijo calmo, sereno e sincero, mas, em seguida ele se arrepende pelo fato de ainda amar Samantha, e Elisa decide se afastar de uma vez por todas. Ele até tenta falar com ela, liga algumas vezes, mas, ela não atende, até que ele não liga mais. Um ano e meio depois, eles se reencontram completamente por acaso, e não há mais como fugir, eles finalmente ficam juntos. Namoram, se casam, fazem planos, mudam de planos, brigam, fazem as pazes, brigam de novo... Até que algumas coisas acontecem que os obriga a colocar na balança se as escolhas que eles fizeram realmente foram as mais acertadas.

Imagem MLC

     Sabe aquela frase que algumas pessoas constroem o amor? É muito isso que vemos aqui, um amor construído. O tempo que ficaram afastados após aquele beijo, mostra que ambos tiveram tempo para pensar em suas vidas, colocar na balança, e quando finalmente se reencontraram, ficar juntos foi uma consequência de algo que estava sólido. O que achei mais legal, é que o casamento acontece lá na metade do livro, então, não temos que ficar imaginando como foram as vidas deles após o casamento, pois somos presenteados com dois anos de casamento. E, assim como todo casamento, vemos que os altos e baixos existem e que nem sempre tomamos a decisão certa. Achei a construção dos personagens super interessantes, com situações que acontecem na vida real, e que mostram que os erros possuem consequências negativas na maioria das vezes. 

     A trama flui super legal, não fica chato de ler em momento nenhum, e gente, eu amo a capa desse livro, acho uma graça essa moçoila levantando os pés para alcançar o rapaz. Bem eu, todo mundo é mais alto que eu, hahahahah. Li em eBook, encontrei poucos erros gramaticais (sacomé, né? Professora de português, é automático sair fazendo correções, rs), nada que comprometa a sequência da trama. Fora que pra mim a mensagem que passa, não é apenas de um romance, mas, principalmente, de amizade e família. Vemos dois personagens que são completamente loucos por suas famílias, que os amam incondicionalmente, e que suas famílias também fariam tudo por eles. E vemos que a amizade é essencial na vida das pessoas. Existem aqueles amigos que são irmãos, mas, também existem aqueles amigos tóxicos, e encontramos esses dois tipos de amizade aqui. Ou seja, encontramos aqui os três tipos de amor: o agape (de pai pra filho), o fileo (de irmãos, amigos) e o eros (entre duas pessoas). 

Imagem MLC
    Um fato que achei curioso também, é que alguns capítulos possuem nomes de músicas, e em algum momento do capítulo, aquela música entrou no meio da história. Achei da hora isso. Tem uma parte que o nome do capítulo é Creep, e Noah canta essa música durante um momento depressivo, isso é da hora. Como eu já tinha dito na resenha de A Playlist de Hayden, livros com playlist pra mim são novidade, achei legal ter mais uma experiência como essa.    

    E agora vou parar de falar, senão, vou falar demais, hahahahah. Agradeço muito a querida Tay por ter me procurado para fazer a parceria, e ter me apresentado esse livro tão lindo que é Depois do Fim. A Tay é jornalista, carioca, porém mora em Buenos Aires há seis anos. Diz ela que foi fazer um intercâmbio de três meses, se apaixonou e quando voltou pra cá, descobriu que conseguiria morar lá. Para entrar em contato com ela, é só entrar no Instagram e ela possui outros livros e contos completos no Wattpad. O livro Depois do Fim está disponível para compra na Editora Maresia, assim como sua nova obra - que já estou doida pra ler - Bree.

Depois do Fim - Tay Lopes. Editora Maresia, 420 páginas, 2016. Recomedadíssimo!


Té manhã, beijooooo! 

4 comentários:

  1. Oioi!!!
    Adoro livros que associam músicas ao enredo! Deu ainda mais vontade de ler :)
    Beijinho!

    EVENTUAL OBRA DE FICÇÃO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rô!
      Eu estou aprendendo a ler livros assim, normalmente eu acompanhava leitura de qualquer música, agora, associar livros e músicas tem sido uma experiência interessante.

      Beijoooo

      Excluir
  2. Olá Cecyyyyyy
    Gostei da indicação, leitura fluída, poucos erros gramaticais, songbook, equilíbrio entre romance, amizade e família num bom enredo.
    Parabéns para a autora.
    Bjs Luli
    https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Luli!
      Essa dica vale super a pena! Indico e indico de novo!

      Beijoooo

      Excluir

Página Anterior Próxima Página Home
Layout criado por